Novembro Azul: mês mundial de combate ao câncer de próstata!

Você sabia que o câncer de próstata é o tipo mais comum entre os homens? Segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), um homem perde a vida a cada 38 minutos devido à doença no Brasil. A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa cerca de 20 gramas, e se assemelha a uma castanha. Ela localiza-se abaixo da bexiga e sua principal função, juntamente com as vesículas seminais, é produzir sêmen.

É importante sempre ficar atento aos possíveis sintomas e também se prevenir. Os exames anuais para os homens também são muito importantes, pois quanto mais cedo diagnosticado, maiores são as chances de cura.

Sintomas:

Na fase inicial, não apresenta sintomas e quando alguns sinais começam a aparecer, a situação pode estar avançada. Nessa fase, os sintomas são:

  • dor óssea;
  • dores ao urinar;
  • vontade de urinar com frequência;
  • presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Fatores de risco:

  • histórico familiar (pai, irmão e tio);
  • raça: homens negros sofrem maior incidência deste tipo de câncer;
  • obesidade.

Prevenção e tratamento:

Mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem estes fatores, devem ir ao urologista para realizar o exame de toque retal, que permite avaliar alterações da glândula. A melhor forma de tratamento vai depender de vários aspectos, como estado de saúde atual, estágio da doença e expectativa de vida. Em casos de baixa agressividade, há a opção da vigilância, na qual periodicamente, monitora-se a evolução, intervindo se houver progressão. Para prevenir:

  • Tenha uma boa alimentação.
  • Mantenha o peso saudável, observando o ideal em relação entre peso e altura.
  • Evite o tabagismo.
  • Mantenha suas consultas de rotina em dia.
  • Pratique atividade física
  • Consuma alimentos ricos em zinco, como a carne e o fígado de boi, castanhas-de-caju, amêndoas, atum, salmão, sardinha, camarão, gema de ovo, ostras, feijão e abacate.